Loading...

sábado, 7 de junho de 2008

Um gesto, um passo...

A rampa está quase quase acabadinha de construir :D... o nosso projecto chegou ao fim, e com ele as nossa tarefas também chegaram ao fim, estamos triste porque acabou, mas felizes porque conseguimos cumprir os nossos objectivos . Deixamo-vos na presença da rampa ...

...quer dizer queriamos deixar-vos mas estamos com problemas informáticos :( mais tarde passamos aqui para alterar :D ... fiquem bem!

sábado, 31 de maio de 2008

Voltar a andar?

Uma das questões que se levanta, é se depois de uma lesão medular se pode ou não voltar a andar. Segundo as nossas pesquisas a resposta é não. Devido à especificidade das estruturas em questão e à complexidade das células do sistema nervoso que não são capazes de regenerar , a informação enviada pelo cérebro (responsável pela informação que chega a todas as partes do corpo), não consegue ultrapassar a barreira causada pela lesão, não transmitindo assim qualquer informação a baixo desta. Isto confere um carácter irreversível a uma lesão medular.
No entanto é importante que se faça um acompanhamento do lesado, pois o tempo é a grande resposta de recuperação.
O então, deficiente motor deverá ser acompanhado por um técnico especializado, normalmente são fisioterapeutas, que se encarregarão de reforçar o potencial funcional dos deficientes.
Com o avanço da ciência e tecnologia os investigadores, estão a investir no chamado “Santo Grall dos neurónios”, para que haja uma esperança de regenerar as células complexas do sistema nervoso e realizar o sonho de muitas pessoas!

domingo, 25 de maio de 2008

Ser deficiente é, ou melhor não é...

"...não é não ter uma perna. Não é viver numa cadeira de roda, não é andar devagar, nem é falar enrolado. O "Ser Deficiente" é uma definição muito difícil de ser estabelecida, pois em que consiste a "deficiência" ou a "normalidade" ? Vivemos numa sociedade em que regras são estabelecidas e quando não as cumprimos, somos tachados de diferentes, rebeldes e muitas vezes até de "anormais". "

Procurei, mas não encontrei a definição de deficiente, porque não existe!Mas aqui vos deixo alguns conceitos feitos relatos de pessoas ditas "deficientes" :

O que é ser deficiente?


"Deficiente" é aquele que não consegue modificar a sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive...."Cego" é aquele que não vê o seu próximo morrer de frio, fome, miséria ...."Surdo" é aquele que não tem tempo de ouvir um desabafo de um amigo, o apelo de um irmão... ."Mudo" é aquele que não consegue dizer o que sente e esconde-se por trás da máscara da hipocrisia."Paralítico" é quem não consegue andar na direção dos que precisam de ajuda."


Extraído : http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20080205130125AAonQPc

sábado, 24 de maio de 2008

Sexualidade em deficientes motores....



"Uma coisa em que raramente se ouve falar é na sexualidade nos deficientes motores. Talvez por indiferença ou por falta de conhecimento do assunto, quando ouvimos falar em sexualidade, na escola ou noutras instituições, ninguém se lembra de abordar quais as diferenças que existem para pessoas com mobilidade reduzida". Após a lesão na medula por vezes “o sexo” é visto como uma coisa do passado.
A realidade é diferente, pois após uma lesão, a sexualidade não tem que ser posta de lado.
Após algumas pesquisas, conclui que a sensibilidade no órgão sexual pode não se perder totalmente, depende sim da gravidade da lesão, não há que generalizar.
Quem sofre de lesão na medula ou o/a companheiro/a de alguém com este problema deve sempre procurar esclarecimento e ajuda.
Encontrei este site, onde o tema é abordado, assim como outros temas, quem estiver interessado, consulte: http://www.d-eficiente.net/. ;P

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Diário de Bordo


Nestas últimas que restam para o termino do final do ano, o grupo tem se concentrado mais na apresentação final do projecto, a qual já foi realizada na passada terça-feira, a duas turmas de 11ºano e a uma de 12ºano. Esta apresentação teve como base tudo o que realizamos ao longo do ano lectivo, e na tentativa de transmitir as nossas ideias sobre este tema de forma a mudar alguma coisa na nossa sociedade, que pode ser a base para o futuro.

Para além disto, temos tentado "andar" com o projecto da rampa, a qual já recebemos os materias para a sua construção, faltando ainda iniciar a sua construção.


Nestas semanas ainda para além da construção da rampa, temos ainda em mãos a realização do relatório final de ano, onde iremos retratar todo um ano de trabalho.

Esperamos ainda por os vossos comentários ao nosso Blog e a participação no nosso desafio, "Tà Mal!"

terça-feira, 13 de maio de 2008

Barreiras psicológicas ultrapassadas


Depois de realizada a nossa apresentação a algumas turmas da escola, concluimos com sucesso o nosso projecto, mas apesar disso ficaram algumas arestas por limar, como a construção da rampa no recinto da escola. Rampa esta que esperamos estar concluida até ao final do ano lectivo, para ai sim acabarmos a analise do nosso projecto com um sorriso no rosto e com o dever da mudança já cumprido.
Com esta nossa apresentação, conseguimos pôr todô o público presente a pensar sobre tudo aquilo que estamos a tentar mudar, perecebendo assim que eles são peças de um puzzle que só junto o conseguiremos traçar como uma mete que foi atingido. Mas não basta só pensar mas também agir, e ajudar todos aqueles que mais precisam para um dia conseguirem a sua independência.
A ajuda do Pedro foi muito importante também na nossa apresentação. Foi apartir dele que conseguiomos demonstrar a realidade contada por uma pessoa que sofre deste deficiência. Demonstrou ser uma pessoa lutadora e humilde, e tem vindo a vencer barreiras com o passar dos anos. A ele e a todos que tem acompanhado o nosso projecto um agrande agradecimento de todo o grupo, e esperamos ver que o nosso esforço em mudar as barreiras psicológicas tenha gerado alguns resultados e que cada vez mais o mundo seja melhor para todos.

Pensamento da semana

“As guerras seguirão enquanto a cor da pele tiver maior significado que a cor dos olhos” Bob Marley

sexta-feira, 9 de maio de 2008

Apresentação final de projecto

O ano lectivo esta a terminar e chegou a hora de apresentar o nosso trabalho a toda a comunidade escolar.

A apresentação foi marcada para a próxima segunda-feira , ás 10:05 da manhã e já foram convocadas todas as turmas que nós, os Rodinhas, achamos melhor apresentar o nosso projecto.

Na nossa apresentação vamos mostrar todo o trabalho que temos feito ao longo do ano lectivo, inclusivamente o projecto da rampa que em breve será construida na nossa escola. Esta apresentação vai ter também como objectivo sensiblizar a comunidade escolar de todo o trabalho desenvolvido que tem sido muito importante e gratificante. Vamos também trazer para a nossa apresentação uma pessoa que sofre de deficiência motora, que irá falar da sua história de vida e dar a sua opinião sobre a sociedade que nos rodeia e que cada vez mais se mantém transparente perante este "problema".

Mário Trindade supera desafio


Após temos lançado a noticia do desafio lançado por Mário Trindade de cumprir a viagem de Vila Real ao santuário de Fátima, fomos acompanhando o desenrolar deste desafio.
Depois de 7 dias de grande esforço e luta, Mário Trindade chegou hoje a Fátima com a enorme satisfação de mais um desafio superado.
Já em Fátima Mário Trindade disse a uma das televisões portuguesas que este desafio teve como objectivo alertar as entidades governamentais, para a dificil integração das pessoas com deficiência e para uma mudança de mentalidades.

terça-feira, 6 de maio de 2008

PARAPLÉGICO GERE CAFÉ

Há 34 anos um acidente de viação atirou-o para uma cadeira de rodas. Manuel Damásio, hoje com 62 anos, não se deixou abater e gere um café, em Vale Florido, Tomar, há três décadas. Chama-lhe a segunda casa do Benfica do concelho d Tomar.

Paraplégico tem de usar escadas para ter formação profissional


Um acidente de moto, há 15 anos, atirou Paulo Moreira, de 39 anos, para uma cadeira de rodas.


Hoje sente na pele a discriminação. Não tem emprego e para aumentar as suas habilitações recorreu ao Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) de Gondomar para tirar um curso de informática. Foi colocado nas acções de formação que o IEFP dá nas instalações da Junta de Freguesia de Rio Tinto, cujo edifício-sede não tem rampa de acesso para deficientes. Junta e Centro de Emprego refutam responsabilidades.


Paulo chega às instalações da junta às 09.00 e, quase sempre, permanece ao cima das escadas, com quatro degraus, até que algum dos colegas chegue e o ajude a descer. "Deviam criar um acesso para poder entrar e sair sem estar dependente dos outros alunos", afirmou o formando ao DN, que já questionou o responsável da junta de freguesia para o problema e o Centro de Emprego. A resposta tem sido "o jogo do empurra quanto às responsabilidades pela situação".


"Quando alugamos uma casa temos de criar condições para que as pessoas possam lá morar. Aqui devia ser a mesma coisa, ainda por cima tratando-se de um edifício público que por lei tem de estar equipado com acessos condignos para todos os cidadãos", acrescenta Paulo, à saída de mais uma aula e enquanto a sua cadeira de rodas é carregada por dois dos colegas de curso. Já por várias vezes a formadora do curso, que se mantém atenta ao portão ao cimo da escadas de forma a aperceber-se da chegada do aluno paraplégico, teve de atrasar a aula.


Marco Martins, presidente da Junta de Freguesia de Rio Tinto, justifica o facto de ter cursos a funcionar na autarquia sem condições de acesso para deficientes: "Só dessa forma se pode evitar que as pessoas se desloquem para fora da freguesia para ter formação". O autarca garante que informou o IEFP da falta de condições e que, mesmo assim, o organismo"enviou uma pessoa com deficiência".


Para o autarca a situação é desagradável. "Não temos nenhum gosto em fazer esta discriminação", refere, explicando não ser possível criar uma rampa junto às escadas com declive máximo de 6 %. Mas a autarquia tem um projecto e pretende realizar obras. "Falta apenas financiamento", acrescenta o autarca.


"Para nós uma pessoa com deficiência é igual a outra qualquer. Tem os mesmos direitos e deveres", afirmou ao DN Adolfo Sousa, do IEFP de Gondomar. Este responsável recorda que Paulo Moreira foi encaminhado para a Junta de Freguesia de Rio Tinto "na sequência do seu plano pessoal de emprego".


O IEFP sabia das dificuldades de acesso do edifício e nessa altura terá informado o formando da situação. "O aluno só tinha duas opções: ou aguardava por nova acção a realizar noutro local ou aceitava as condições. Foi o que aconteceu", afirma o responsável. A acção de formação do Paulo, iniciada em Julho, terminou em 13 de Dezembro do ano passado.

Atleta deficiente alerta para as barreiras arquitectónicas


Alertar para os problemas sentidos pelas pessoas com deficiência é o objectivo de uma viagem entre Vila Real e Fátima Mário Trindade, em cadeira de rodas, e Fernando Pinto, a correr a pé, partiram de Vila Real na passada sexta-feira, propondo-se chegar a Fátima sete dias depois.

A iniciativa visa assinalar os problemas com que as pessoas com deficiência se debatem diariamente, noticia a Lusa. “Barreiras arquitectónicas já existentes e as novas que surgem a cada nova construção ou a falta de emprego", são alguns desses alertas. O atleta paraplégico bateu o recorde de corrida de cadeira de rodas em Dezembro de 2007, percorrendo 183 quilómetros em pouco mais de 18 horas. O seu grande sonho é participar nos Jogos Paraolímpicos.

É preciso mudar...


T'á Mal!


Fica um apelo...


Diário de Bordo

Estamos quase no fim do ano lectivo, e o nosso projecto caminha a passos largos para o final.
Para concluir este nosso projecto, vamos fazer uma apresentação a comunidade escolar de todo o trabalho que desenvolvemos ao longo do ano. Para isto vamos convocar duas turmas de 11º ano, uma do curso de ciências e tecnologias e outra de Humanidades ao qual vamos passar as nossas ideias para que esta "luta" não seja só restrita ao nosso grupo de trabalho.
Em relação ao nosso projecto da rampa, já conseguimos obter os materiais para a construção, faltando agora só iniciar a sua construção.

Estamos a espera ainda das vossas sugestões, para o concurso "Ta Mal!"......não te esqueças que podes ganhar prémios e ao mesmo tempo ajudar "Os Rodinhas" a melhorar o seu trabalho

segunda-feira, 5 de maio de 2008

Pensamento da Semana

Não importa o que o passado fez de mim. Importa é o que farei com o que o passado fez de mim.

Lokomat....a tecnologia que traz novas esperanças


Devido a todo o mundo que nos rodeia, e a todas as novas inovações cada vez mais surgem pessoas com deficiências motoras, muitas delas sem esperança para a sua recuperação. Mas para alem destas tecnologias que fazem automóveis cada vez mais velozes, e vários aparelhos que colocam a vida humana em causa, também surgem novos aparelhos que podem trazer uma réstia de esperança para as pessoas que sofrem de deficiências motoras e em que a sua recuperação ainda não esta posta totalmente em causa.
Com isto surgiu o Lokomat, um auxiliar automático de marcha que simula os movimentos do paciente quando este caminha. Digamos que é uma ortótese de marcha electrónica.

Avaliado como uma das mais inovadoras tecnologias, o Lokomat é o sonho para qualquer deficiente motor não só pela sensação de voltar a andar, como pelos benefícios que comporta em termos musculares.
Permite, ainda, aos terapeutas trabalharem com vários doentes ao mesmo tempo, dado que, através de programação computorizada o LoKomat cumpre os objectivos sozinho sem exigir que o terapeuta esteja com o doente a simular os passos, como em aparelhos anteriormente desenvolvidos pela Christopher and Dana Reeve Foundation.

Este é ainda um aparelho muito caro, e por isso só existe ainda três aparelhos em Portugal, o último dos quais foi instalado no conceituado Centro de Reabilitação de Alcoitão.

segunda-feira, 28 de abril de 2008

Sabias que...

O preço de uma cadeira ronda os mil euros?

Pensamento da semana

"Uma ave deve voar, mesmo que o céu esteja cheio de abutres."
Autor desconhecido

quarta-feira, 23 de abril de 2008

42º Aniversário do Centro de Reabilitação de Alcoitão


No dia 21 de Abril comemorou-se o 42º Aniversário do Centro de Reabilitação do Centro de Alcoitão, dedicando este dia a inovação tecnológica.
Este dia ficou marcado, por a inauguração do Ginásio de Fisioterapia, equipado com o sistema de treino de marcha robotizado Lokomat, e a enfermaria Ala Poente.

Este equipamento vai possibilitar diagnósticos mais exactos e mais precoces, intervenções mais eficazes e seguras, melhor monitorização de resultados e mais rápida partilha do conhecimento. Isto traz uma nova réstia de esperança para quem ainda tem esperança de uma recuperação que possibilite ao doente recuperar a sua vida que tinham anteriormente a terem ficado afectados com a doença que os deixou imobilizados.

Neste evento esteve presente o Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Rui Cunha, do Vereador da Câmara Municipal de Cascais, Manuel Andrade, e dos elementos do Conselho Directivo do Centro.
O evento teve ainda:
-Conferência sobre reabilitação e tecnologias na saúde, pelo arquitecto Henrique Cunha, da Aveiro Domus;
-Conferência sobre inovação tecnológica no CMRA, pelo Vice -Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Rogério de Carvalho;
-Testemunhos de utentes;
-Actuação do grupo de Terapia pela Dança do Centro.

Pensamento da semana

"Se está muito difícil encontrar o caminho, faça-o!"
Autor desconhecido

domingo, 20 de abril de 2008

Igualdade de direitos?!



Diz-me e eu esquecerei. Ensina-me e eu lembrar-me-ei. Envolve-me e eu aprenderei. * provérbio chinês

NÃO!


sexta-feira, 18 de abril de 2008

quarta-feira, 16 de abril de 2008

Uma ajuda para quem mais precisa.....


Após decorridos todos estes meses de trabalho, tivemos e pensar numa forma de todos os nossos utentes do blog nos ajudarem a ajudar quem mais precisa.


Esta ideia veio também como forma de interagir com todos vós, e ajudar aqueles que mais precisam a viverem numas condições aceitáveis. Para isto propomos um desafio a todos vós, que se baseia essencialmente numa angariação de tampas de plástico, que vão servir para conseguirmos adquirir cadeiras-de-rodas.

Para isso basta juntar uma quantia significativa de tampas de plástico e vir entregar à Escola Secundária de Serpa, que é o local onde estamos a realizar o nosso projecto e esta angariação.
Não fique à espera, e ajude-nos a ajudar quem mais precisa.................................

Sugestões...


olá :D

Temos um convite, a fazer-vos: sugestões! Sim, gostaríamos que participassem no nosso projecto, dando-nos sugestões, relatando casos de pessoas paraplégicas que conheçam. Para isso podem nos enviar fotografias de barreiras arquitectónicas e tudo aquilo que acharem importante ser abordado por nós! Aqui fica o nosso e-mail: paraprojecto@hotmail.com. Vá lá, não custa nada e todos juntos podemos melhorar o mundo que é de todos.
Alinhas?




Diário de Bordo

Olá caros visitantes do nosso Blog, encontramo-nos no 3ºPeriodo escolar e estamos quase no final do nosso projecto, o qual nos tem dado muito gosto em realizar, pois conseguimos entrar num Mundo que de outra forma era muito difícil entrar.

Nestas semanas estamos a tentar todas as actividades propostas neste início de Período. Conseguimos entrar em concordância e dividir o grupo de forma a que cada um realiza-se um trabalho diferente. Dentro destes trabalhos podemos referenciar o início da construção da rampa no recinto escolar, mas neste momento estamos dependentes da identidade autárquica local, a qual pedimos ajudar para a construção da rampa. Enquanto isto outros elementos do grupo tem se dedicado a organizar uma planta de Serpa que será disponibilizada pela Câmara Municipal de Serpa, com o objectivo de passar para a planta todos os locais onde encontramos as grandes barreiras arquitectónicas na cidade de Serpa.
Por outro lado temos tentado divulgar cada vez mais o nosso trabalho para toda a comunidade, na organização de palestras, concursos e várias actividades. Para isto temos comunicado com várias instituições para que nos ajudem na nossa divulgação do projecto.

Pensamento da semana

A vida é um correr de emoções, que o tempo encarregar-se-à de guardar......

quarta-feira, 12 de março de 2008

A velocidade...destruidora de vidas

video

Todos nós sabemos que o tema do nosso trabalho é a paraplegia, mas para falar do aumento de número de paraplégicos, teremos que entrar pelas causas deste acontecimento.

Cada vez mais o Homem tem sido o grande causador do aumento de número de paraplégicos, pois cada vez mais as indústrias automóveis tem tentado construir veículos com mais cilindrada o que leva a que as velocidades nas estradas tem sido causadoras de grande acidentes que provocam várias mortes, e dentro daqueles que conseguem sobreviver ficam marcados para o resto da vida. Assim podemos referir que os acidentes rodoviários, tem sido um grande causador do aumento do número de paraplégicos em todo o mundo.

Por esta razão, decidimos realizar este pequeno vídeo para alertar todos os nossos utilitários do blog, quem nem sempre a velocidade é a melhor opção. Muitas das vezes a morte vem de onde menos as pessoas esperam, por isso espero que veja o nosso vídeo e que reflicta bem nas suas escolhas, e se para a próxima viagem prefere levar mais tempo na estrada ou então apostar na sorte.

segunda-feira, 10 de março de 2008

As barreiras arquitéctonicas no dia-a-dia de uma paraplégico

Antes de mais nada, antecipadamente ao fecho do nosso Blog para as já merecidas férias da Páscoa, não poderíamos deixar de vos facultar o vídeo que nos realizamos, onde mostramos as dificuldades da mobilidade de um paraplégico no recinto da nossa escola e na nossa cidade de Serpa.
Para além de ser um simples vídeo, tentamos com isto mudar alguma coisa na nossa sociedade, onde se fala cada vez mais de igualdades sociais, mas de facto isso não se reflecte hoje em dia.


video

Depois da visualização deste vídeo, o que é que vocês podem concluir? Será que esta é a cidade ideal para um paraplégico? Será que a nossa escola tem capacidades para acolher alguém que tenta viver de igual forma, mas por infelicidade da vida não lhe foi permitido? Ficamos a espera das vossas respostas aqui para o nosso Blog, porque estamos a tentar que todas as pessoas tenham a capacidade de reflectir esta grande realidade em que vivemos.

Diário de Bordo

Estamos novamente em mais um final de Período, e o trabalho tem se acumulado cada vez mais.
Nestas primeiras semanas de Março temos tentado concluir todas as actividades propostas no início deste Período, apesar de termos encontrado alguns problemas ao longo da semana, como a questão do tempo para a realização de tarefas.

Assim com a cooperação de todos os elementos do grupo nestas primeiras semanas de Março conseguimos finalizar a produção dos dois vídeos, um onde falamos sobre as barreiras arquitectónicas no dia-a-dia de um paraplégico, e outro é um vídeo de sensibilização para a sociedade de hoje em dia, que tem feito da velocidade automobilística um grande "assaltante" de vidas.
A outra parte do projecto ficou em stand-by para o 3º Período, pois a construção da rampa é uma tarefa onde necessitamos de muitos materiais e de alguém que nos ajude na construção da mesma.
Por fim, tivemos que realizar o relatório de trabalho do 2º Período, tarefa esta que foi de autoria de todos os elementos do grupo, neste processo que é sempre muito complicado.

Iremos antes do final deste Período, deixar uma pequena mensagem no blog, onde vamos colocar uma pequena apreciação do trabalho efectuado neste Período que agora se encontra no fim.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

Início da criação do filme...." O dia-a-dia de um paraplégico"...

Esta semana começamos a criação do nosso video. onde vamos retratar o dia-a-dia de um paraplégico. Mas nem tudo foi "um mar-de-rosas" no início, pois tivemos que alterar um pouco os nossos planos, pois inicialmente tinhamos projectado um filme com algumas filmagens , mas devido a algumas dificuldades informáticas tivemos que recorrer unicamente à maquina fotográfica para a realização do filme.

Com estas fotografias estamos a idealizar fazer uma foto-montagem no MovieMaker, onde iremos mostrar fotos em vários pontos de Serpa e também na nossa escola.
O principal motivo da realização deste video, foi as inúmeras barreiras arquitéctonicas encotradas qunado nos econtravamos na fase de pesquisa de toda a nossa cidade e tambem no interior da nossa escola.
deixamos agora uma pequena descrição do nosso video...e fica prometido quando este tiver terminado, o publicarmos aqui no nosso Blog.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Um dia Sobre Rodas...


Para tentar tornar cada vez mais o nosso trabalho dinâmico e interactivo, desta vez aceitamos o desafio de realizar um vídeo, onde iremos demonstrar o dia-a-dia de um paraplégico.

Para a realização deste vídeo, temos realizado vários trabalhos preparatórios, com o intuito de realizar o melhor trabalho, com todas as condições adequadas. Dentro destes trabalhos de preparação podemos falar da realização de um guião que irá ser uma linha orientadora de todo o filme, pois a partir dele veremos as falas de cada personagem e os sítios em que vamos realizar as filmagens. Para além deste guião, efectuamos também a realização de uma carta onde irá ser entregue no lar de São Francisco em Serpa, para que nos possam disponibilizar uma cadeira de rodas que é um dos principais materiais de trabalho de toda a filmagem, pois só com ela poderemos demonstrar todas as dificuldades encontradas na nossa cidade e que é muito prejudicial para a movimentação de qualquer pessoa que sofra de paraplegia.

Outras das partes muito imporantes para o nosso video é a escolha dos espaços, pois teremos que fazer selecção de alguns espaços que entendemos serem os mais importantes.

Em relação a parte integral do filme, podemos adiantar que será realizado em vários dias e em locais diferentes, onde as personagens serão nós, os elementos do grupo.

Apresentaremos as nossas conclusões após a finalização das filmagens e colaremos depois uma parte deste no nosso blog.

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008


video



Este video é mais um dos exemplos de que a velocidade rodóviaria pode estragar vidas....por isso antes de carregar lembre-se que ele pode ser o seu travão da sua própria vida e a dos outros.....

Diário de Bordo

Estamos novamente em mais um final de Período, e o trabalho tem se acumulado cada vez mais.
Nestas primeiras semanas de Março temos tentado concluir todas as actividades propostas no início deste Período, apesar de termos encontrados alguns problemas ao longo da semana, como a questão do tempo para a realização de tarefas.

Assim com a cooperação de todos os elementos do grupo nestas primeiras semanas de Março conseguimos finalizar a produção dos dois vídeos, um onde falamos sobre as barreiras arquitectónicas no dia-a-dia de um paraplégico, e outro é um vídeo de sensibilização para a sociedade de hoje em dia, que tem feito da velocidade automobilística um grande "assaltante" de vidas.
A outra parte do projecto ficou em stand-by para o 3º Período, pois a construção da rampa é uma tarefa onde necessitamos de muitos materiais e de alguém que nos ajude na construção da mesma.
Por fim, tivemos que realizar o relatório de trabalho do 2º Período, tarefa esta que foi de autoria de todos os elementos do grupo, neste processo que é sempre muito complicado.

Iremos antes do final deste Período, deixar uma pequena mensagem no blog, onde vamos colocar uma pequena apreciação do trabalho efectuado neste Período que agora se encontra no fim.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Sugestão de leitura.....

Olá pessoal...
Aqui deixo uma sugestão, para quem gosta de ler e se interessa por o tema do nosso projecto, a paraplegia.
Este livro, conjuga o relato de um jovem que apresenta deficiência motora e a "visão" de quem o acompanha.Este livro transmite o sentimento de alguém que apesar das circunstâncias em que se encontra, tem uma enorme alegria de viver, uma força incrivel de ajudar os outros e também é uma grande lição de vida. "Ser feliz assim..."
Ao ler, este misto de emoções, não só reforcei as minhas ideias em relação a esta deficiência, como também descobri coisas novas, bastante úteis para o desenvolvimento deste projecto.

Salvador, um dos autores deste livro, relata a sua história e conta-nos tudo aquilo por que passou, desde o o dia do acidente. É de referir, que este autor, também criou uma associação, com o seu nome. Esta associação desenvolve o seu trabalho em torno de pessoas com este tipo de deficiência.


Se quiseres saber mais, podes consultar o site da associação: http://www.associacaosalvador.com/ e fica a dica do "Salvador" =D...


segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Nova fase do projecto.....

Com o regresso ao trabalho neste 2ºPeriodo do ano lectivo iniciamos uma nova fase no nosso projecto. Esta nova fase leva-nos a alargar a nossa área de trabalho, pois começamos a fotografar a nossa cidade de Serpa e todas as suas barreiras arquitectónicas que impossibilitam a ocorrência de uma vida normal para a parte da população que sofre de paraplegia.
Enquanto isso os outros dois elementos do grupo estão a organizar um estudo completo das rampas que possibilitam uma boa mobilidade para quem anda de cadeira de rodas.
Mostraremos alguns resultados após a síntese de todo estudo que esta a ser realizado neste momento.

segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

Regresso ao trabalho.....

Após alguns dias de férias, que foram muito úteis, para o grupo repor energias e construir novas ideias, voltámos ao trabalho cheios de vontade de inovar e continuar a vos disponibilizar mais informação importante.
Desde já gostávamos de desejar um feliz ano 2008 e que a utilização do nosso blog continue a ser da sua preferência, e só dessa maneira poderemos tornar a nossa sociedade numa só, onde todos poderão viver de uma forma igual e sem nada que os impressa de ser felizes.
Iremos durante esta semana programar o nosso plano de trabalho para este Período, e falaremos dele para que todos eles fiquem com uma pequena ideia de tudo o que iremos desenvolver.